Café arábica vira e opera com leves baixas com câmbio nesta tarde de 2ª em NY

0

As cotações futuras do café arábica operam com leves baixas nesta tarde de segunda-feira (21) na Bolsa de Nova York (ICE Futures US). O mercado reverte ganhos do início dos trabalhos e foca nas oscilações cambiais.

Por volta das 12h31, os lotes para dezembro/19 registravam queda de 20 pontos, a 95,45 cents/lbp e o março/20 anotava 98,85 cents/lbp com recuo de 25 pontos. O contrato maio/20 caía 25 pontos, negociado a 101,10 cents/lb.

Depois de iniciar o dia em alta, as cotações futuras do arábica passaram a cair nesta tarde de segunda-feira. O câmbio é o principal fator de pressão. Às 12h35, o dólar comercial subia 0,62%, cotada a R$ 4,145 na venda.

Operadores no mercado estão de olho nos desdobramentos do Brexit e da votação da reforma da Previdência no Senado. O dólar mais alto ante o real tende a encorajar as exportações das commodities, mas pesa sobre os preços.

Em entrevista para a Reuters, o superintendente comercial da Cooxupé, Lúcio de Araújo Dias, destacou nesta sexta-feira que a cooperativa de produtores de Guaxupé (MG) vendeu toda sua oferta de contratos com entregas para até início de 2020.

“Os fundos venderam uma quantidade enorme de café nos últimos 30 dias, e esse café não existe, então não sei como vai ficar isso”, disse Dias para a agência internacional de notícias.

No Brasil, no último fechamento, o tipo 6 duro era negociado a R$ 428,00 a saca de 60 kg em Guaxupé (MG) e em Poços de Caldas (MG) estavam valendo R$ 395,00.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here